Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Fonha-se, há cada anormal!...

Confessado por Mulherde30, em 18.01.09

52.jpg

Realmente a evolução humana tem que se lhe diga.
Há quem evolua e há os outros.
É dos outros que quero falar. Daqueles seres que devem ser mesmo vazios para vestirem a vida de outra pessoa.

Foi sem querer que vi. Foi quase por um acaso. Se é que isso existe.
Primeiro fiquei de olhos arregalados, incrédula. Depois de umas quantas horas lá comecei a acreditar que era mesmo verdade.
Fúria.

Passou outra eternidade.
Pena.

Outros mais anos...
"coitado", já dizia eu.

Mais tarde, já me ria.
É enquanto rio que escrevo. Mas agora acho que já nem sei se ria se chore com pena do individuo.

Se calhar, se não fosse tão triste, era cómico.


(E tu a pensares que endoidei de vez porque não sabes do que falo...)


Acho que é realmente triste. Se calhar um desses casos perdidos que vagueiam pelo mundo. Que deviam cansar o corpo para dar descanso à alma, em vez de andarem a cansar a cabecinha a pensar em coisas que de tão ridiculas se tornam tristes, que perdem horas e cansam as pestanas em frente a um computador para fazerem de conta que. Pobre diabo...


O lado bom tambem existe. Pelo menos há quem escreva quando eu não poder escrever. Ah, não pode ser. Perdão senhor.... o dito cujo só sabe copiar. Copiar e responder a fingir que sou eu. Ele não sabe que não pode usar assim o meu nome em vão... heheheehhe... mas anda pior que eu, que ao que parece já perdeu o gosto desde 2007.


OK, não é para rir. Fico-me pela tristeza por pensar que pode existir gente assim, anormais, à solta. Alem disso, deve dar um trabalhão... ou então é um daqueles fãs lunáticos que um dia destes me bate à porta a dizer: eu sou tu, eu sou tu. Tipo anuncio de chá que dizem gelado e vem dentro de uma lata.


Mas se calhar era melhor dizer-te do que falo. Logo tiras as tuas conclusões... Não sem antes dizer a esse fulaninho: fo**-te, pá.


http://sol.sapo.pt/blogs/Rakel/default.aspx

publicado às 21:39


Confessionário

De Anita a 19.01.2009 às 15:42

humm... não sei se percebi bem, mas é suposto aqueles textos serem teus? E descobriste agora? Só tem posts em 2007... Eu acho que disso é o que não falta pela net... Conheço pessoas que deixam de colocar textos inéditos, porque acabam por sair penalizadas :( principalmente quem tiver na idéia de algum dia publicar esses textos... Há que ser superior a essas cenas e dar-lhes somente a importância que merecem, e que na sua maior parte são poucas as vezes. Beijinhos **

De euzinha a 19.01.2009 às 21:52

Ok...coincidência??Até pode ser...muita gente tem blogs com títulos semelhantes ou até iguais! Mas aquela escrita...e então aquelas fotos? Onde é que eu já vi isto??Ahh pois é, foi no teu blog! Haja paciência para tanta falta de criatividade. Mas não deixes que isso te tire o sono.lol Beijocas e fica bem

De nene a 20.01.2009 às 15:22

Se não visse não acreditava, mas dá vontade de rir... Coitado ou coitada, não deve ter ninguém com que possa falar e então veste o corpo dos outros, "MENTES VAZIAS". Vou lá deixar um comentário "veja o blog origial em http://mulherde30.blogs.sapo.pt/ (http://mulherde30.blogs.sapo.pt/) "

De nene a 20.01.2009 às 15:29

BoaZona, Não deu para comentar, tinha de me registar e dava muito trabalho. O melhor é o anormal ir apanhar no pacote... BSJ.

De joan a 20.01.2009 às 22:52

Sua imagem esta perfeita na tua page.Seres animais RACIONAIS julgam outros apenas pela aparência ou impressão estes são animais racionais que evoluem concordo plenamente contigo ha,há,há.E quem vê cara não vê coração.Não moro em Porto sim no Brazil.

De olga a 20.01.2009 às 23:02

Um bom ano 2009!!!O teu sera sempre original, os plagios falham. Tem 1a boa semana,k bom k regressaste:-)bjufas, olga

De conde a 21.01.2009 às 11:52

Bem Rakel!!,granda flash ,nem sabia que aquilo era possivel,mas olha quem anda por aqui sabe qual é o original. Basta lêr os comentarios da falsa rakel para perceber que não és tu e o rafa não esta lá...està aqui. Mas é preciso ter uma granda pancada,é mesmo.

De tania a 21.01.2009 às 22:10

Que saudades de "visitá-la" - teu blog está cada vez melhor.

De ELE DIZ a 24.01.2009 às 23:39

Talvez estejas a falar da mesma espécie que eu aqui:
http://elediz.blogspot.com/2009/01/prostitutas-socialmente-aceites.html (http://elediz.blogspot.com/2009/01/prostitutas-socialmente-aceites.html)

Acho apenas que têm formas diferentes de mostrar o quão tristes conseguem ser. :p

Parabéns pelo blogue, gostei muito do que li.

De Nilson a 26.01.2009 às 21:47

Comentei sopre o a descrição sucinta dos homens...gostaria que respondesse...

Diz lá


Pág. 1/2



O que queres saber?

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Velhas confissões

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D