Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Os dias assim...

Confessado por Mulherde30, em 06.09.05

images.jpg


Hoje a chuva teimou em cair... miudinha. Tão lentamente quanto eu voltei no tempo.
Parece que o Outono está a chegar...vem aquela melancolia, aquela vontade do aconchego, do carinho, da cumplicidade.

Por isso precisei caminhar um pouco e sentir a água, devagar, que deslizava pelo rosto.
Bem que podiam ser as tuas mãos, mas não são.
Bem que os raios de sol que de quando em vez cruzavam a barreira das nuvens podiam ser os teus olhos... mas tambem não eram.
Bem que a brisa podia ser a tua voz...
Bem que o arco iris podia ser a esperança.

(E depois pensei que bem me posso deixar dessas merdas...mas esperança de quê, do quê?
Que realmente Raquel.... é que já nem tens idade para isso.)


OK....Depois do Verão vem o Outono....mas isso era no meu tempo! eheheheheh...agora já não há estações. Há tempo. Apenas. Ou sol, ou chuva, ou frio, ou calor. Mais nada.

As noites arrefecem...o que quer dizer que vai custar cada vez mais tirar a roupa. Fuck. No Verão, que apetecia, não aproveitei....agora com o frio, fica muito mais complicado.
Quer dizer.... nem posso dizer que não aproveitei. Ainda fui uns dias com coragem para a praia ventosa, toda poderosa vestida com o meu bikini ( esta palavra "vestida" é quase uma ofensa)...pronto, quase despida com o meu fio dental branco com lacinhos dos lados, teimando em me esquecer da parte de cima, o que quer dizer que usei monokini e não bikini.... magricela, linda e...digamos...apetitosa.
Pelo menos choquei as criancinhas que logo por sorte (delas) e azar (o meu) resolveram fazer uma excursão. Claro, foram mais cedo para casa...as professoras acharam que eu não estava adequadamente vestida para os olhos delas.... pois sim....se fossem professores, aposto que ficavam lá até ao pôr do sol....e o mais certo era esquecerem-se dos putos.
Mas eu não tenho culpa...até sou timida e tudo! As crianças é que não paravam de olhar para mim nem de cochicar... (espero que não estivessem a rir-se das minhas micro mini mamas)
Mas eu perdoo-lhes, coitadas... é natural que com tanta celulite, pneus e afins, não se sentissem muito bem perto de mim!

Hoje deu-me para isto....mas é só hoje, para ver se a chuva não me traz recordações de um dia assim melancólico e chuvoso, no Vale dos Fetos... em que uma paixão teimava em crescer.

Mas isso já foi há muito tempo e não me apetece lembrar, portanto, o melhor foi mesmo essa paixão ter ficado anã e não se fala mais nisso.
É que não me apetece mesmo nada....e devo dizer que ser trintona tem o seu lado positivo: já me sinto no direito de pensar apenas no que me apetece.

Mas hoje.... hoje...como me sabia bem uns carinhitos. Assim uns amassos do tipo geniais...ou quem sabe um chamego caloroso. Pronto, na loucura, uma queca...mas bem dada. Daquelas espécies de queca era mesmo uma chatice e não vinha nada a calhar.
Se está calor apetece....vem a chuva e o apetite não desce. Que se há-de fazer?

Bem que podia ter entrado no quarto....(sim, agora já escrevo no meu quarto...já tenho MEU computador....já não preciso que o mano me faça o favor... e como castigo, quando for actuar aos 3 Pinheiros lá com o DJ Peter G, como vingança, não vou. Ai não não vou, ia lá perder uma coisa dessas!....heeheheheheh)....mas como estava a dizer, bem que podia entrar no quarto, no escuro, sentir umas mãos que não me assustassem (porque agora depois dos trinta há que ter cuidado com os enfartes e nunca se sabe...), me tocassem em toque de pólen, arrepiassem a pele, sussurrassem ao ouvido umas palavras sem sentido algum... me despissem, me deitassem na cama e.... uma massagem ia bem. Posso dizer que ia muito bem....e depois, bem, depois adormecia. Cansada como ando não podia ser mais nada.

Mas para a imaginação ser quase perfeita, e se não fosse pedir muito, que fosse um daqueles da William Lawson's...mas não é aquele de cabelos compridos que ocupa quase todo o ecrã, não! É um giraço que se vê lá escondidinho atrás.... que merda, até na publicidade teimo em não ligar pêva ao actor principal.

Mas isso era bom demais...portanto, o melhor mesmo, é ir para o msn falar com as amigas.... pois é pois é pois é.... não ligaram ao que eu disse, agora, que o Verão acabou, acabou o amor. E andam as duas a chorar pelos cantos. Mas pelo menos paroveitaram...e isso sim, é o mais importante..
Como amiga que sou, lá vou emprestar o ombro, apesar do cansaço. Neste caso os olhos para as ouvir e os dedos para falar.
E como alguem me diz: desde que não boceje...
Amiga tambem é para isto, não é só para as moitas....e por falar nisso, nunca mais chega o final de semana.

Como confissão: Os dias assim deixam-me completamente fora de mim.... era nestas alturas que sabia bem ter aquele alguem a quem dar o ultimo telefonema do dia. Ou aquele alguem que ocupasse o outro lado da cama...
Esta chuva!

publicado às 23:00


Confessionário

De Falc a 06.09.2005 às 23:08

Olá Rakel, adorei o teu texto. Foi bom ler e sentir lá fora a chuva a cair. Eu cá gosto dos primeiros dias de chuva. Bjs e boa noite

De bcool a 07.09.2005 às 03:01

Mmmmmmm ... Melancolia ... Chamego ... Outono ... Massagem ... Afinal, parece que o monokini também gosta de pequenos gestos ao final do dia ... Fazem falta, né ? Beijinhos ...

De Margarida a 07.09.2005 às 03:32

Hummmmmmm,miuda isso anda mál,contra o teu costume enrolaste-te no texto....andas cansada dizes, tá bem OK miuda,não é por isso que vou deixar de pôr aqui o comentário.
És sempre uma queridinha, e foste sempre a minha preferida.Bjs

De Angelica a 07.09.2005 às 09:29

todos os dias dou por mim a pensar também "já não tens idade para estas nerdas pah!"
beijinho

De Bruno a 07.09.2005 às 09:35

Olá Raquel!!!
Parece que estas primeiras chuvas nos deixam assim a todos, ou pelo menos eu tb senti a falta de alguem que me desse uma beijoka de boa noite! Estes dias fazem-me sempre sentir nostalgico, e ainda por cima ontem ainda mais nostalgico me senti, Chuva e .... datas lembradas ainda pior me senti, mas isto hoje já passou. Quanto a ti qualquer dia tens companhia no quarto!!!! Sem ser o computador. Beijoka

De paulo a 07.09.2005 às 14:01

No Domingo fui até à praia da Barra. Talvez te encontrasse. Mas não, se nunca te vi. Talvez um dia, as palavras se tornem em mulher.

De tiagoesofia a 07.09.2005 às 15:05

Eu só pergunto. Quando é que chegam as castanhas, a estalar de cinzentas na brasa?
beijos

De rita a 07.09.2005 às 18:09

Para mim o Outono é uma estação que me deixa melancólica, arrastando consigo recordações e estas primeiras chuvas confundem-se por vezes com as minhas lágrimas... O seu texto está muito bem escrito. Visite-me.

De karina oliveira a 07.09.2005 às 20:27

Lindas as tuas palavras. Olha o cheiro a terra molhada faz-me lembrar o renascer de qq coisa. A chuva apesar de fina e pouca, veio limpar o ar carregado q existia. Devia chover aí um bom bocado para ver se as mentes ficavam mais limpas e com os sentimentos bons ao de cima!
Ando mal confesso, mas tenho esperança que volte a chover e depois disso, um novo sol que encha de luz os nossos caminhos e nos encaminhe! Um beijo grande.

De loureiro a 07.09.2005 às 21:21

Sorte a tua.
Por estas bandas,chuva,só em sonhos.
Como adoro a chuva!

Diz lá


Pág. 1/3



O que queres saber?

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Velhas confissões

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D