Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Pequenos desejos...

Confessado por Mulherde30, em 08.12.06

pascal renoux.jpg
Fotografia: Pascal Renoux


E descansar depois, com o corpo colado ao teu, em camas de lençóis claros...deixando na pele a marca e na memória o cheiro de dias assim. Dias que passaram devagar, mesmo com a chuva a cair lá fora, incessantemente...


Como confissão: há desejos tão simples, não há? E porque serão então, tão dificeis de realizar?
Creio que sou eu... talvez tenha deixado de acreditar que possa haver por aí algures um homem que possa dizer-se feliz comigo, concretizando desejos tão banais. Um homem que tenha coragem para enfrentar o mundo lutando pelo que quer e a sinceridade para dizer o que sente.
Talvez seja pedir demais... que alguem goste verdadeiramente de nós.

publicado às 17:33


Confessionário

De carla a 08.12.2006 às 19:02

são simples mas as coisas simples são muitas vezes dificeis de conseguir. talvez por isso aprendamos a dar valor a estas simples coisas. é dificil.. somos duas a sofrer do mesmo mal. eu queria acreditar, mas já não consigo. as vezes acho que também peço demais. tenho tudo e acabo por não ter nada. mas vai-se levando, um dia de cada vez..

De Carlos M. a 11.12.2006 às 11:30

este fim de semana fiquei só, sonhando com o teu corpo enrolado nos meus lençois, enquanto a música soava baixinho, e o meu quarto se iluminava com as velas acesas, e o incenso se consumia lentamente...como o meu desejo. E no silêncio da noite fria, esperei por ti...mas como
vem sendo hábito não vieste, és memória de sonhos
passados, desejo de presente, sonho de futuro.
Andamos desencontrados, perdemo-nos noutro tempo,
e tardamos a cruzar caminhos. Continuo á tua espera, no meu quarto iluminado por velas aromáticas, enquanto o incenso se consome...como o meu desejo de te encontrar. Vem, eras tu que eu esperava.

De mulherde30 a 14.12.2006 às 19:50

P/ CARLA: que nos reste sempre esta infinita coragem para, apesar de tudo, se continuar a creditando e sonhando... b'jinhos

De mulherde30 a 14.12.2006 às 19:52

P/ CARLOS M.: o pior das esperas é mesmo esse... nunca sabemos se o tempo que esperamos é tempo perdido. Até ao dia em que desistimos de esperar... b'jinhos

De rita a 25.11.2007 às 12:50

estas muito sexi amor e adoro gajas tu queres pinar comigo

Diz lá



O que queres saber?

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Velhas confissões

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D