Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



SER MULHER

Confessado por Mulherde30, em 23.12.04

As duas primeiras horas depois de acordarmos são as mais susceptiveis a ataques cardiacos... talvez por isso nem me olhe ao espelho de manhã... não preciso, até chegar ao trabalho o mundo faz questão de me dizer como estou:
- Ai, Raquel, estás tão magra!
- Hoje estás com umas olheiras...
- Estás um pouco pálida, estás doente?
E que tal "estás tão... tão... tão...linda!!!!!!"?
Que merda, foda-se...

Pronto, sou magra, tenho olheiras, cara pálida, mais?
Será que essas pessoas tambem fazem como eu e não se olham ao espelho? É que se fosse a salientar-lhes os defeitos...

A verdade é que há mulheres que nasceram para esse estatuto... o que parece não ser o meu caso.

Se estou em casa de amiga e resolvemos sair, já sei que vou secar pelo menos 30 minutos, isto porque ela já está prontinha, linda, mas cisma que não.
Eu claro, vou como estou.

De manhã, num dia de trabalho normal, demoro 30 minutos para tomar um duche, vestir-me, tomar o pequeno almoço e chegar ao café para tomar aquilo que me acorda... sim, porque acordo com um feitio que nem me aturo. Podem falar para mim nessa primeira hora mas não me obriguem a fazer o mesmo, portanto o melhor é que não me façam perguntas...

Estava eu a falar de mim...
Eu vejo estas gazelas que deslizam pela cidade e ponho-me a pensar:
- como é possivel?
Sim, isto intriga-me... andam em cima daqueles saltos altissimos, finissimos diariamente e parece que nem caminham, que flutuam... chegam ao fim do dia como se tivessem acabado de se maquilhar, tipo aquelas das novelas que já saem do duche maquilhadas ou acordam com os cabelos na perfeição!

O que tenho eu de errado?
Se ponho rímel, mais hora menos hora estou toda borrada por causa das lágrimas, que diga-se, grande parte das vezes é por rir...
Se ponho baton não descanso enquanto não o como, parece que até tenho pastilha elástica agarrada aos lábios, isto para nem falar na figura que faço a andar de saltos altos...

Realmente, isto de ser mulher dá uma trabalheira do caraças... e que se sofre, ai isso sofre.
Pronto, em relação aos homens está provado que conseguimos fazer duas coisas ao mesmo tempo, tipo estar ao telefone no corte e costura com a amiga dessas horas e pintar as unhas... (isso é outra merda, eu não roo as unhas mas não descanso enquanto não roo o verniz delas) enquanto que os homens enfim, taditos, fazem uma coisa de cada vez... e muitas vezes mal!

Há solução, claro.
Se prender um tijolo ao pescoço e me atirar ao poço aqui de casa, se é a minha mãe a descobri-me fica traumatizada e ela, como melhor mãe do mundo inteiro, sistema solar e arredores, não merece.
Podia ficar com o carro parado na linha do comboio, mas vai que o maquinista vê bem (ao contrário de uns e outros) e só faz uns amassos no carro? Pois... ainda por cima tinha que pagar o conserto do meu ibiza...
Podia simplesmente disparar a pistola, mas e se falhasse e ficasse toda a vida numa cadeira de rodas?

Se calhar nem há solução... sou assim, pronto.
E não vale de nada me mostrarem aquelas revistas patéticas que ensinam a secar o cabelo, a pintar as unhas, a maquilhar e afins...

Eu sei que se aprende a ser mulher, mas cá por mim já me basta a tarefa dos dias em que pareço a mulher do talho e um dia terei a dificil tarefa de ter um bebezinho lindo, gostoso, de olhar encantador, fofo fofo, que só apetece apertar e rabugentinho, que se babe a dormir, que se delicie a mamar, que sorria desde o primeiro dia de vida... tudo a carinha da mãe, claro!
E já chega...

Portanto, muitos podem agradecer por não me verem com o pijaminha polar e as pantufas em plena rua... já vão com sorte.

E digamos que é preciso ter estômago e paciencia para estar em frente a um espelho a fazer aquilo tudo que os homens tanto gostam de admirar o resultado final... linda, espampanante, maravilhosa, quase perfeita.

Cá por mim ponho o creme na cara só para não sentir que se me rir isto estala tudo... pronto... se acordo mais bem disposta ainda vai o cremezito no corpo, uma maquilhagenzita e tal... só para dar uso àquelas merdas que num momento de loucura compro iludida que o resultado é o que mostram...heheehe...pois sim:
Tonifica e endurece em 5 minutos... não faça eu exercicio não, que quem endurece é a minha carteira, de tão vazia que fica...

Mas pronto, é provavel que até tenha qualidades, é só saber onde procurar... devo ser tipo laranja: por fora, ui azeda, mas com paciencia lá se chega ao sumo docinho docinho, nectar digno de deuses...

Portanto, porque raio me queixo eu? É que no fundo, bem cá no fundo... (e isto como confissão), eu gosto de ser como sou...

publicado às 22:50


Confessionário

De Jose a 23.12.2004 às 23:31

Ainda Bem!

De arqpatricio a 23.12.2004 às 23:53

como prenda de natal...quero uma laranja como tu...beijos

De Daniel a 24.12.2004 às 00:46

Ainda tive tempo para te comentar (j

De eternous a 24.12.2004 às 01:37

FELIZ NATAL

De Daniela a 24.12.2004 às 09:21

Tenho a certeza que és linda (as gajas tb se apreciam....) Tem um Natal excelente e cheio de coisas boas!

De antonio a 24.12.2004 às 09:41

gostei muito deste texto. foi um dos melhores. desejo-te um feliz natal. se não fosse casado, eu atirava-me a ti, por causa do teu humanismo e candura. mas a vida é assim. tenho de aturar esta mulher, de quem não gosto, e estás tu aí sozinha, perdida, e se calhar seria de ti que eu gostaria se tivesse oportunidade de te conhecer.
eu acho que vais encontrar um homem capaz de te afastar dessa melancolia. a minha receita é: muito sexo, passeios à beira-mar, exercício físico e boa comidinha. tens de experimentar a receita: é muita bom!!!
desejo-te um feliz natal!

De silvia a 24.12.2004 às 10:43

De Xupa Nu Pipi a 24.12.2004 às 12:07

Minha querida raquelinha : tu

De Trintao a 24.12.2004 às 15:43

Deixa te de ser Humilde ! Deves ser uma mulher e peras .... Feliz Natal e k o melhor de 2004 seja o pior de 2005

De Bplayer a 24.12.2004 às 17:45

"Pronto, em relação aos homens está provado que conseguimos fazer duas coisas ao mesmo tempo (...) enquanto que os homens enfim, taditos, fazem uma coisa de cada vez... e muitas vezes mal!"

Alguma dessas coisas que conseguem fazer ao mesmo tempo tem alguma utilidade? Mulheres que se queixam dos homens como tú há muitas, engraçado é que são as primeiras a cair no engodo dos "players" (aqueles que têm como desporto coleccionar mulheres)...

Diz lá


Pág. 1/3



O que queres saber?

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Velhas confissões

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D