Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



VAMPIRA

Confessado por Mulherde30, em 07.02.05

vampiros.jpg


Esta noite vou sair e procurar sangue novo para beber... este que tenho já não me satisfaz. Já não me sinto entontecida, como que embriagada e quero sentir isso outra vez. Sentir que o sangue me corre nas veias a uma velocidade alucinante...e que o mundo inteiro é meu...

Esta noite vou ver a vida com um olhar de vampira para absorver tudo o que estiver ao meu redor, vou beber a vida que chama por mim... vou se feliz hoje, amanhã já não estarei aqui.
Vou dizer todas as palavras, sonhar todos os sonhos, realizar todas as fantasias, deslizar todos os toques...
Vou sorrir e rir, vou derramar lágrimas por me sentir feliz.
Esta noite quero ser minha, de mais ninguem...quero olhar para mim e amar tudo o que sou. Quero ver-me reflectida num espelho, vestida de preto, com um olhar vermelho de paixão, e que pela boca escorra o sangue novo que tanto preciso para que a vida possa ser muito mais leve. E nessa loucura sentir-me-ei viva...com um novo sangue em mim.

Vou ser vampira, sugar as bocas que contêm o sopro da vida, sugar a vida em cálices perdidos pelas ruas... buscar lá fora tudo o que preciso aqui dentro.

Só esta noite...

publicado às 12:22

CARNAVAL

Confessado por Mulherde30, em 03.02.05

Carnaval, ninguem leva a mal.
Mas que é que ninguem leva a mal? Será que posso saber? É que eu levo a mal, sim! Era o que me faltava sugarem-me até ao tutano o ano inteiro e ainda virem nesse dia fo**rem-me os cornos esperando que eu não leve a mal!
Têm cá uma sorte!

Bem, quase pronta para o dia. Este ano, decididamente vou fazer figura. (triste por sinal). A Ana é assim...de tão chata que é, eu tenho que me render só para não a ouvir mais...mas eu perdoo-lhe. Adoro aquela miuda.

Zorro. Melhor, ZORRA!!!!!
E vou arrasar!
Pronto, primeiro comprei a lingerie que por não se ver é por isso o mais importante. Sim, isso é como as pessoas, o que as torna diferentes é aquilo que não se vê à partida...
Preta com uns tons rosa...para não ficar muito negra.
Bota preta, calça preta, camisa preta, máscara preta, chapéu preto, bigode preto,capa preta, espada preta.
Se bem que em pleno séc. XXI até parece mal ir de espada, podia levar logo uma pistola laser, antrax ou bomba atómica...mas lá me convenci a levar uma espada de plástico mais não seja para dar com força nas costas de alguem...


Pensei que tambem podia esquecer as calças e a camisa...ir só de lingerie, botas e a capa por cima...mas sei que para onde eu vou está um frio de morte...e duvido que algum homem se agarrasse a uma mulher que tivesse um bigode...

Comprei estas merditas e ainda gastei 7€... que já davam para fumar 60 cigarritos e tomar 14 cafés... mas tesos como eu nunca podem ter duas coisas e desta vez optei por gastar este dinheiro para passar uma noite nas moinas... e se as coisas correrem mal, no próximo ano, alugo. A lingerie sempre dá para mais vezes, bem melhor empregue esse dinheiro...heeheheh

Tinha pensado ir de capuchinho vermelho... mas com estas pernitas de olivia palito, a combinação não ficava muito bem...
Depois pensei ir de freira, mas perdi as esperanças quando me lembrei que não tenho um terço...
Pensei tambem que podia ir de cinderela, mas tinha que ir embora à meia noite e não dava jeito nenhum...
Pronto...ZORRA...heeheheh...vou achar soberbo andar de bigode! E aproveito para entrar no wc masculino...
E sempre tenho hipótese de enganar os marmanjos ...posso apalpar uns cus... e pode ser que apesar de ir mascarada de uma personagem masculina, eles não levem a mal...afinal, é carnaval! eheheheh

Que merda. Falta-me o cavalo. Bem, vou nos 70 do carro...e vou mais protegida...é que andar a cavalo faz umas dores no traseiro que depois nem me posso sentar...
Alem disso, já não lembro como se chama o cavalo do gajo...

publicado às 18:59

LUAR

Confessado por Mulherde30, em 02.02.05

Pouco sei de ti... mas não importa.
Neste instante sei que sofres, que tens a alma e o coração pesados...que não consegues deixar de te sentir revoltada com a vida, com o mundo...mesmo com Deus.

A dor espalma-nos e coloca-nos tão lá em baixo...e a vida, essa, prova-nos a todo o instante que nós somos tão frágeis, tão impotentes, tão pequeninos...

Não desesperes. Acredita. Por mais que haja alturas em que não conseguimos ter fé...não percas a tua. Há horas em que só nos resta isso mesmo.

O que quero dizer-te é que, aqui tão longe, oro a um ser em que acredito, para que traga paz e coragem ao teu coração de mãe, e que olhe para a tua filha e lhe sopre a vida...

publicado às 21:40

100 artigos... fim?

Confessado por Mulherde30, em 02.02.05

O.K.... 100 artigos...e agora?
Sempre posso imprimir toda esta merda e ver se alguma editora me publica isto...quem sabe não conseguia passar um fim de semana ao alentejo, na pousada Vale do Gaio, com o dinheiro que me pagavam?

Tambem posso, pura e simplesmente, parar por aqui, afinal era este o objectivo quando comecei...mas tambem enquanto me apetecer escrever vou fazê-lo, pelo menos não gasto tinta... mas a verdae é que o papel tem outro impacto...quando pego nos meus caderninhos, cheiro-os...esta mania de cheirar tudo! O computador não tem cheiro...e assim tambem perde um pouco da piada...


Então vamos lá, Raquel...
Sempre posso escrever sobre diferenças dos sexos... sim, é isso que vou fazer para comemorar estes 100 artigos.

Tenho como sobrinhos um casal de gémeos lindos! Sim, sou tia babada...e nem é para me gabar mas são a minha cara, principalmente ela... e ele tem o meu mau feitio...dizem.
Ela, tal como eu, não gosta muito que lhe salientem as semelhanças com a tia...claro, quer marcar pela diferença, e eu apoio.
Mulheres há muitas, como eu, apenas uma. E não vale se esforçarem muito porque despois desta obra prima partiram o molde. Fiquei só mesmo eu como exemplar.
Quando lhe dizem:
- Ai, tu és tão parecida com....
- Sim, já sei, com a minha tia Raquel - responde ela toda espevitada no alto dos seus 6 aninhos.

Mas quero dizer que, com 6 anos, sendo educados da mesma forma (bem, ele não é muito!, eheheh)...são tão diferentes!

Eu pergunto ao menino:
- Então e a Mariana?
- Ó tia, já não é a Mariana, é a Rita.
- Então já tens outra namorada?
- Ora a Rita disse que gostava de mim e eu disse à Mariana que como já tinha namorado com ela agora ia namorar com a Rita.
- Ahhhh...mas tens que te portar bem senão ela deixa de gostar de ti...
- Não sei porquê! Se ela é minha namorada, tem que gostar sempre de mim, mesmo que me porte mal.

Ora toma lá Raquel...

Vamos ver a menina que na sua vaidade me diz:
- Penteias-me? Quero os cabelos assim lisinhos, sabes? Como os teus!
- Hummm...isso é para o teu namorado?
- Não, tia...eu não quero namorar.
- Ai não? então porquê?
- Ora, ele depois começa a namorar com outra e eu fico triste.

Pronto. Fácil. Simples. Quem me dera ainda ter esta inoc~encia...e ver o mundo com uns olhinhos assim.
Diferenças que já se notam tão bem...entre duas crianças de 6 anos...um menino e uma menina.
Estou mesmo para ver os adolescentes nos quais se vão tornar... ai credo!

Mas pior, é que com o crescimento as diferenças vão-se tornando muito maiores...
É que não há paciencia!
Homens! que raça...sim, sim...não são todos iguais. Têm nomes, moradas e nº de telefone diferentes.
Que me perdoem mas hoje, depois de uma noticia de uma traição do maridinho sempre bonitinho, amiguinho e carinhosinho de uma amiga...estou nas horas...

E já nem sei sobre o que estava a falar...ou melhor, a escrever.
Vou parar por aqui...recordei-me dessa merda e agora só me apetece dizer asneiras...
piiiiiiiiiiiiiiiiiiii
piiiiiiiii piiiiii piiiiiiiiiiiiii
piiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

publicado às 18:56

Pág. 2/2



O que queres saber?

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Velhas confissões

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D