Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Natal.... outra vez.

Confessado por Mulherde30, em 14.12.05

CAPUFPDQ.jpg
Fotografia:?


Nem sempre me dá para isto...mas hoje, sei lá eu porquê, apeteceu-me. E claro, a idade já vai permitindo viver os dias por apetites.


Os dias têm corrido tão alucinadamente que o tempo, o pouco que resta, é mesmo para recompor energias, dormir portanto.
Os acontecimentos são mais que os dias, mas fica para outra altura qualquer, não hoje.

Hoje quero dizer que me dei ao trabalho de ler algo que escrevi há algum tempo atrás, precisamente dia 25 de Novembro de 2004.
É sempre estranho. Ler o que eu mesma escrevi.
Fiquei com aquela sensação que não fui eu, dei por mim a vaguear por tantos dias que entretanto se passaram, pelos caminhos que percorri desde então...tantos.
E depois fiquei a ler mais umas quantas coisas, a relembrar situações, a ler outras que já nem lembrava...é a parte mais fux da vida, recordar algo que já tinhamos esquecido...foi um momento muito, como dizer....importante, potente e íntimo...hehehehe


E pensei que afinal, já naquela altura eu sabia que essa merda de história de existência do Pai Natal era uma grande treta. Portanto, confirmo. O Pai Natal é uma farsa.
Uma gaja dá-se ao trabalho de lhe pedir umas coisitas e no final, as coisas pioraram.
Tsunamis, terramotos, mortes, guerra inacabáveis, dor, mágoas, olhos e sorrisos tristes...nada melhorou.


Hoje, quero apenas dizer uma coisa ao Pai Natal:
- Fo**-te. Isso mesmo, fo**-te. E escusas de me olhar com cara de paragem, que eu cá não sou autocarro. Ca*** de merda.

A todos os que estão desse lado, amigos invisiveis, desejo que tenham um Natal de partilha e de amor. Que vos chegue aquela paz de mansinho ao coração, que olhem à vossa volta e queiram dar o que têm de melhor. Que não esqueçam do significado do Natal, que saibam que as luzes mais bonitas não são as que brilham lá fora, nas ruas...

E esqueçam os presentes, isso é para as crianças...nós adultos, sabemos que o amor é muito maior....


Um beijo
Mulherde30

publicado às 14:33


Confessionário

De bcool a 14.12.2005 às 22:44

Um post... uau ... já se pode alimentar a adição ... Quanto ao post vamos por partes ...
O menino é filho de deus (filho do patrão, já se vê), enquanto o pai natal é só o empregado (o gajo que faz a distribuição das prendas - é o tipo da mota da telepizza) ... Se o patrão não comprar pepperoni, podes pedir à vontade a quem atende o telefone ou a quem vai distribuir que nunca te entregará uma pizza com pepperoni ... Portanto essa tua raiva não devia ser contra o empregado, mas antes contra o patrão ... O pai natal é o gajo porreiro que anda a levar as coisas à malta que podem ser levadas, as coisas materiais, porque as imateriais, não são da sua lavra ... Viva o Pai Natal barrigudo, barbudo e boa praça, vivam ainda mais as mães natal boazudas que alegram a malta ...Mas atenção, o Pai Natal é como o João Pestana ou Coelho da Páscoa, nunca percebi porque o coelho da páscoa andava com ovos mas esse agora também não é o tema, só existem no universo da ingenuidade infantil em que tudo é dourado, e mesmo quando não é, é a luz de esperança que alumia muitos meninos e meninas que passam um ano em más condições ... Se recuperares a inocência perdida, nem que seja só num sonho, verás que voltas a acreditar no Pai natal ... Não faças é como o outro da anedota, deixa essas crenças nos sonhos ... Beijinhos

Diz lá



O que queres saber?

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Velhas confissões

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2005
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2004
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D